Aquáticos

Bruno Fratus se espelha em Diego Hypolito por sonho de medalha



Bruno Fratus não conseguiu disfarçar a frustração após o sexto lugar na final dos 50m livre da natação. Principal sucessor de Cesar Cielo na prova, o brasileiro teve de lidar com a expectativa do povo brasileiro por mais uma medalha e revelou se inspirar em Diego Hypolito para continuar alimentando o sonho do pódio olímpico, que vai ter de ficar para Tóquio 2020.

“Dessa vez eu não consegui a medalha que vocês merecem, mas faltam pouco menos de 1500 dias para os Jogos de Tóquio e eu, como todo bom brasileiro, não desisto nunca! Obrigado Diego Hypolito por nos ensinar um pouco mais sobre resiliência no dia de ontem”, escreveu Fratus, se referindo a conquista da medalha de prata do ginasta.

Quarto colocado nos 50m livre em Londres 2012, bronze no Mundial de Kazan e prata no Pan-Americano de Toronto, no ano passado, Fratus admitiu que esperava mais após dedicação total nos últimos quatro anos que marcaram seu ciclo olímpico. No entanto, valorizou o apoio que recebeu durante as competições de todos que compareceram no Estádio Aquático Olímpico.

“Queria agradecer demais a todos que gritaram “Bruno, Bruno” naquele Estádio Olímpico e em casa, vocês proporcionaram um dos momentos mais especiais da minha vida e da vida da minha família”, finalizou.

Autor: Redação Ferreguion

Tecnologia do Blogger.