Basquete

Espanha massacra Lituânia e complica situação do Brasil



A Espanha não teve nenhuma dificuldade para bater a Lituânia na noite deste sábado, na Arena Carioca 1, em jogo válido pelo Grupo B do basquete masculino. Com domínio do jogo desde o início, os espanhóis massacraram os lituanos pelo placar de 109 a 59 e conquistaram a segunda vitória consecutiva no torneio.

O grande destaque da vitória espanhola foi o pivô Pau Gasol, que teve um ótimo percentual de arremessos de quadra com 78%, além de 100% nos arremessos de três pontos, e terminou o jogo como cestinha, com 23 pontos anotados. Além dele, o ala-pivô Nikola Mirotic também teve um grande jogo, com 17 pontos. Pelo lado da lituânia, o maior pontuador foi o ala Mindaugas Kuzminskas, com 17.

Coletivamente, a equipe espanhola foi extremamente superior aos lituanos, dominando todos os critérios. No aproveitamento das cestas de três pontos, a vantagem foi ainda maior, já que o acerto foi de 50% contra 26%. A Espanha também foi muito acima nos rebotes ofensivos e defensivos: 41 a 26.

Com o resultado, a Espanha ultrapassou o Brasil no Grupo B e deixou uma possível classificação para as quartas de final mais difícil para a seleção brasileira. Para garantir vaga de de forma direta, os brasileiros terão que secar a Croácia, que ainda joga contra Nigéria (neste sábado) e Lituânia (na segunda-feira), e ainda vencer seu próprio confronto contra os africanos.

Caso os croatas consigam ao menos uma vitória nestes dois jogos, o Brasil terá que secar os espanhóis, já que o confronto direto é o primeiro critério de desempate, e o triunfo conquistado diante da Espanha na segunda rodada do Grupo B pode fazer a diferença na classificação.

A Espanha volta à quadra na próxima segunda-feira, às 19 horas, quando enfrenta a Argentina. Já a Lituânia faz o já citado confronto diante da Croácia, às 22h30. O jogo que completa o Grupo B, entre Brasil e Nigéria, acontece mais cedo, às 14h15.

Autor: Redação Ferreguion

Tecnologia do Blogger.