Futebol

Honduras derrota a Coreia do Sul e encara Seleção Brasileira na semifinal



A seleção de futebol de Honduras voltou a fazer história nas Olimpíadas do Rio de Janeiro. O time latino-americano venceu a Coreia do Sul por 1 a 0, neste sábado, no estádio do Mineirão, e alcançou a inédita classificação para a semifinal do torneio. Os hondurenhos serão os adversários do Brasil, que derrotou a Colômbia por 2 a 0, também neste sábado, em Itaquera.

O primeiro tempo foi de domínio absoluto da Coreia do Sul. O time conseguiu imprimir velocidade no meio-campo e neutralizou as investidas de Honduras. Faltou, no entanto, competência para que os jogadores pudessem converter a posse de bola em chances de gol.

As oportunidades só começaram a surgir nos minutos finais da etapa inicial. Aos 39, o atacante Son Heung-min cobrou falta e exigiu defesa do goleiro López. No rebote, Hwang Hee-chan surgiu em condições de chutar a gol e mandou para fora.

Aos 45 minutos, López defendeu nova conclusão de Hwang. Ele se posicionou bem e espalmou o chute que partiu de dentro da área. A persistência do empate no placar fez com que os dois times se lançassem em busca do gol na etapa complementar.

Logo no início do segundo tempo, aos nove minutos, López cresceu diante de Son e praticou outra grande defesa na conclusão do sul-coreano. Sem balançar as redes, o time asiático viu a estratégia que adotou se voltar contra si.

A insistência em pressionar Honduras no ataque abriu espaços que puderam ser explorados por Honduras em um rápido contra-ataque. Aos 14 minutos, o atacante Quioto carregou a bola sem ser incomodado pela marcação e tocou para Elis, que esperou a saída do goleiro Gu Sung-yun para estufar as redes.

A Coreia do Sul sentiu o gol. Aos 23 minutos, Pereira saltou após cobrança de escanteio e cabeceou para fora. Os asiáticos esboçaram uma reação aos 26, mas o chute de Kwon Chang-hoon ficou nas mãos de López. Quioto, aos 39, teve a chance de matar o jogo para Honduras, só que também desperdiçou. Ele invadiu a área pela esquerda, ficou de frente para o goleiro Gu e não soube deslocá-lo, concluindo em cima do arqueiro.

Autor: Redação Ferreguion

Tecnologia do Blogger.