Lutas

Rafaela Silva vence algoz de Londres 2012 e vai à semifinal do judô



Pelas quartas de final do peso leve (até 57 kg), a brasileira Rafaela Silva encarou sua algoz de Londres 2012, Hedvig Karakas, e devolveu a derrota sofrida. Com um wazari, a judoca campeã mundial se classificou para as semifinais da competição.

Em um movimento preciso, Rafaela conquistou a pontuação no meio da luta e jogou com o regulamento embaixo do braço. Todas as vitórias da brasileira nesta manhã de segunda foram conquistadas com wazaris. Na primeira, contra a alemã Miriam Ropper, Silva conseguiu dois wazaris e, consequentemente, o ippon. Já contra a sul-coreana Kim Jan-Di, o placar foi igual à da partida contra Karakas.

Logo na primeira luta de Londres, Rafaela estava na frente, mas foi desclassificada por uma pegada na perna da rival considerada ilegal. Na sequência da desclassificação, a judoca sofreu ataques racistas pelas redes sociais e rebateu, se desculpando com a Confederação Brasileira de Judô tempos depois.

Rafaela volta para o tatame ainda na tarde desta segunda-feira para definir sua briga por medalhas. Na semifinal, às 16h05 (de Brasília), a brasileira irá enfrentar a perigosa romena Corina Căprioriu, que venceu as quartas por ippon.

Em sua estreia do judô olímpico na carreira, o brasileiro Alex Pombo, do peso leve (até 73 kg), foi eliminado pelo chinês Saiyinjirigala logo na primeira rodada. Após dominar as ações da luta, o brasileiro foi surpreendido nos 45 segundos finais e levou um yuko decisivo que deu a vitória para o adversário. Incrédulo, Pombo não concordou com a marcação dos juízes.

Autor: Redação Ferreguion

Tecnologia do Blogger.