Olimpíadas

Yane Marques termina disputa do pentatlo moderno no 23º lugar



A pentatleta Yane Marques entrou para a disputa da final do pentatlo moderno nos Jogos Rio 2016 nesta sexta-feira  e não conseguiu repetir o grande desempenho obtido nas Olimpíadas de Londres, em 2012. Após chegar à etapa decisiva já na 17ª posição, a brasileira não conseguiu se recuperar e terminou a disputa somente na 23ª colocação geral.

Yane Marques não teve um grande desempenho na somatória das disputas de natação, esgrima e hipismo, e chegou à última etapa da disputa do pentatlo moderno, que consiste na prova de tiro somada com corrida, somente na 17ª colocação.

Como as três etapas anteriores servem como uma espécie de vantagem para a disputa desta última, chamada de evento combinado, Yane Marques teve que largar para a decisão somente um minuto e sete segundos após a primeira colocada nas etapas anteriores, a polonesa Oktawia Nowacka, o que deixou a disputa pela medalha ainda mais difícil.

O final da etapa do evento combinado serviu somente para decretar a posição da brasileira, que ainda caiu na classificação e terminou a competição do pentatlo moderno feminino na 23ª posição, com 1267 pontos.

A medalha de ouro ficou com a australiana Chloe Esposito, que largou para o evento combinado na sétima colocação e teve uma prova incrível no tiro e na corrida para se recuperar e garantir a conquista, com 1372 pontos. A prata ficou com a francesa Elodie Clouvel (1356 pontos) e o bronze com a polonesa Oktawia Nowacka (1349 pontos).

Autor: Redação Ferreguion

Tecnologia do Blogger.