Atletismo

Campeã em 2012, Terezinha Guilhermina fica fora do pódio nos 100m



A velocista Terezinha Guilhermina ficou sem medalhas nos 100m rasos da categoria T11, para deficientes visuais, nos Jogos Paralímpicos do Rio. A mineira, que levou o ouro na prova dos Jogos de Londres 2012, foi desclassificada e ficou com o quarto lugar ao lado do guia Rafael Lazarini.

Terezinha, que entrou como favorita na prova, sofreu desclassificação por violação da raia de corrida. O ouro foi para a britânica Libby Clegg, que finalizou a prova em 11s96. A chinesa Guohua Zhou ficou com a prata (11s98), seguida por Cuiqing Liu (12s07).

O resultado é surpreendente de modo negativo para o Brasil, já que em 2012 o país ficou com todas as medalhas da prova: Guilhermina levou o ouro, Jerusa Santos a prata e Jhulia Santos o bronze.

Terezinha Guilhermina ainda terá a chance de levar o ouro na sua melhor prova paralímpica, os 200m rasos, dos quais foi campeã tanto em Pequim 2008 quanto em Londres 2012. A velocista, que tem no currículo seis medalhas paralímpicas, ainda disputará os 400m rasos e o revezamento 4x100m.

Alice de Oliveira fica em quarto nos 100m categoria T12 – Nos 100m rasos da categoria T12, para pessoas com deficiência visual parcial, a brasileira Alice de Oliveira acabou fiacndo na quarta posição, com tempo de 12s26. O ouro foi para a cubana Omara Durand, que finalizou a prova em 11s40 e bateu o recorde mundial.

Arisovaldo Silva fora do pódio nos 100m T53 – Nos 100m da categoria T53, para cadeirantes, o brasileiro Arisovaldo Silva também terminou em quarto, com tempo de 14s88. O canadense Brent Lakatos conquistou a medalha de ouro, com 14s44.

Autor: Redação Ferreguion

Tecnologia do Blogger.