Atletismo

Terezinha Guilhermina fica com o bronze nos 400m rasos



Terezinha Guilhermina conquistou sua segunda medalha nos Jogos Paralímpicos do Rio. No início da tarde desta sexta-feira, a mineira terminou na terceira colocação na final dos 400m rasos classe T11 (para deficientes visuais) e levou o bronze.

Terezinha completou a prova com tempo de 57s97, atrás da venezuelana Sol Rojas, medalhista de prata com 57s64, e da chinesa Cuiqing Liu, que fez a marca de 56s71 e subiu mais uma vez ao lugar mais alto do pódio no Rio.

A brasileira, tricampeã paralímpica, já havia levado uma prata no Rio, no revezamento 4x100m. Com isso, o bronze desta sexta-feira é a primeira conquista individual de Terezinha, que tem três ouros, duas pratas e três bronzes em seu histórico de Paralimpíadas.

Foi a última participação de Terezinha Guilhermina nos Jogos do Rio. A atleta não conseguiu repetir a grande campanha que fez em Londres, quando levou dois ouros, nos 100 e 200m rasos, e Pequim, quando levou um ouro, uma prata e um bronze.

Daniel Silva e Felipe Gomes se classificam nos 400m T11

Na noite desta sexta, os brasileiros Felipe Gomes e Daniel Silva conquistaram vagas na final dos 400m classe T11, para atletas com deficiência visual. Felipe fez a prova eliminatória em 51s26 e classificou-se na terceira posição. Já Daniel correu em 51s96 e ficou em quarto. Além deles, Gerard Puigdevall, da Espanha, e Ananias Shikongo, da Namíbia, brigarão por medalhas na decisão que acontece às 18h49 (de Brasília) deste sábado.

Já Diogo Ualisson não teve a mesma sorte no qualificatório dos 200m rasos da classe T12, para atletas com deficiência visual parcial. O brasileiro terminou em nono, com tempo de 23s01, ficando a uma posição de garantir-se na final da prova.

Autor: Redação Ferreguion

Tecnologia do Blogger.